Turismo: Selo de origem para os produtos de Santo Antão apresentado esta terça-feira

Turismo: Selo de origem para os produtos de Santo Antão apresentado esta terça-feira

Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook
Share on email
Email

O selo de origem para os produtos de Santo Antão  já  está pronto. A sua apresentação acontece esta terça-feira, no quadro das Redes Locais para o Turismo Sustentável e Inclusivo (Raízes), co-financiado pela  União Europeia e pela cooperação portuguesa.

O selo de origem para os produtos de Santo Antão, que resultou de um trabalho levado a cabo pela Associação para a Defesa do Património de Mértola  (Portugal), entidade promotora do projecto Raízes, visa valorizar os produtos e serviços desta ilha, contribuindo, assim, para a sua diferenciação.

Na próxima semana, vai ser, também, socializado, no quadro do projecto Raízes, o plano de acção para o turismo em Santo Antão, instrumento que tem por objectivo “impulsionar o turismo” nesta ilha, refere uma nota do projecto Raízes.

Este plano visa, igualmente, preparar a ilha de Santo Antão  para responder ao crescimento da procura turística, “tendo em conta as necessidades e as aspirações dos vários sectores da actividade”

Produtos de Santo Antão, como grogue, queijo, café, doces e outros estão preste a ter selo de origem, que irá privilegiar as suas características distintivas, uma iniciativa que, segundo os promotores, vai contribuir para a valorização e promoção desses mesmos produtos.

“Com este selo, pretende-se que seja reconhecida, além-fronteiras, a qualidade dos produtos e serviços de Santo Antão, servindo como “uma marca distintiva da ilha”, garante a direcção do projecto Raízes.

Opinião

Fechar