Reservas nas unidades turísticas apontam para uma ocupação de 100% na quadra festiva

Reservas nas unidades turísticas apontam para uma ocupação de 100% na quadra festiva

Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook
Share on email
Email

O turismo no Tarrafal de Monte Trigo, um dos principais destinos dos turistas que chegam a Santo Antão, começa a conhecer “alguma dinâmica”, perspectivando os operadores uma ocupação de 100% na quadra festiva.

Com a retoma, João Crisóstomo,   um dos principais operadores turísticos no Tarrafal de Monte Trigo, informou que a atividade turística local tem vindo a melhorar, facto para o qual tem contribuído, a seu ver,  a estrada, que facilita o acesso dos turistas à localidade, considerado o “oásis” do turismo em Santo Antão.

“O turismo no Tarrafal de Monte Trigo está a melhorar. Tanto para o final como no final do ano vamos estar cheios se tudo correr bem. Pelo menos as reservas apontam para isso”, informou este operador, proprietário da unidade turística Vista Tarrafal.

Entretanto, os operadores locais voltam a pedir a construção dos miradouros turísticos nesta localidade, lançados há mais de um ano, cujas obras estão por arrancar.

Analides Évora disse à Inforpress que os miradouros ajudarão os visitantes a conhecer melhor a zona, uma das mais procuradas pelos turistas que chegam a Porto Novo.

Para 2022, a Câmara Municipal do Porto Novo tem inscrito no seu plano de investimentos a construção e recuperação de miradouros turísticos, num montante de mais de dois mil contos.

Ao todo, os investimentos no turismo devem ultrapassar, em 2022, os 27 mil contos, incluindo ainda as intervenções nos caminhos vicinais, que compõem o percurso dos turistas que procuram o concelho para a prática de trekking (caminhadas em trilhas).

A promoção turística do município constitui uma outra aposta da edilidade no próximo ano.

Opinião