Ministro da Cultura e Presidente da Assembleia Nacional fazem presença no funeral de Jorge Neto

Ministro da Cultura e Presidente da Assembleia Nacional fazem presença no funeral de Jorge Neto

Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook
Share on email
Email

O Ministro da Cultura Abraão Vicente e o Presidente da Assembleia Nacional, Jorge Santos prestam último homenagem ao cantor Jorge Neto que será sepultado hoje, sábado, 29, em Amadora Portugal.

O artista Jorge Neto “Rei do palco” que levou a bandeira de Cabo Verde ao mundo com a sua voz e performance será sepultado este sábado no cemitério Municipal de Amadora, Portugal.

Jorge Neto faleceu no passado dia 20 de Janeiro após um período de quase dois meses em coma. O artista sentiu-se indisposto no Aeroporto de Lisboa no dia 30 de dezembro, quando se preparava para viajar para Cabo Verde, onde tinha concerto de passagem de ano, no Hotel Porto Grande, São Vicente. No local foi medicado e encaminhado para casa, ali sofreu um duplo “AVC”, Acidente Vascular Cerebral.

O artista deu entrada no hospital no dia 31 de Dezembro, onde foi submetido a uma cirurgia e desde então, continuou em coma apesar da tensão arterial ter estabilizado. Também já tinha sofrido em finais de 2012, um AVC, do qual levou algum tempo a recuperar-se.

Os cabo-verdianos lamentam bastante o passamento do” ícone da cultura popular” que fez vibrar vários palcos tanto a nível nacional como internacional com o seu jeito único de estar em palco e com o seu talento em levar as pessoas ao rubro com a suas músicas e performance.

O último adeus a Jorge Neto acontece hoje sábado 29 de Fevereiro por volta das três e meia da tarde no Cemitério Municipal de Amadora.

Nesta sexta-feira na Capela Mortuária da Igreja da Nossa Senhora Mãe de Deus em Buraca, Lisboa, familiares, amigos e fãs velaram pela alma do cantor.

O ministro da Cultura Abraão Vicente e o presidente da Assembleia Nacional Jorge Santos vão fazer presença na última homenagem ao cantor Jorge Neto. Espera-se também uma presença massiva de amigos e fãs para acompanhar Jorge Neto à sua ultima morada.

A cultura cabo-verdiana ficou mais pobre com a morte do cantor que de uma maneira humilde e talentosa soube carregar o país ao mundo com a sua forma impar de encantar e cantar.

António Jorge Costa Neto, ou Jorge Neto, era vocalista emblemático do conjunto Livity. Filho de mãe caboverdiana e pai santomense nasceu em São Tomé e Príncipe. Desde muito cedo abraçou a música de Cabo Verde e por mais de 30 anos brindou uma geração de cabo-verdianos e não só, com as suas composições mas também com a sua inimitável presença no palco.

Para além do seu legado musical deixa também uma outra grande lição que se chama humildade/simplicidade. Jorge Neto era amável com todos e no palco transmitia aquela energia positiva que encantava e contagiava.

 

Opinião

Fechar