Ministério da Cultura quer tornar Santa Catarina numa centralidade de festividades da tabanca

Ministério da Cultura quer tornar Santa Catarina numa centralidade de festividades da tabanca

Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook
Share on email
Email

O ministro da Cultura e das Indústrias Criativas, Abraão Vicente, disse hoje que as obras em curso de reabilitação das capelas da tabanca de Lém Cabral, em Palha Carga dos Engenhos, em Santa Catarina, interior de Santiago, vão transformar o município numa centralidade das festividades dessa tradição.

“A ideia é tornar de facto Santa Catarina numa centralidade das festividades da tabanca, tendo em conta que nesse concelho há um conjunto de grupo mais forte tradicionalmente e enraizado nas comunidades”, disse o ministro.

Nesse sentido avançou que obras vão ser entregues no dia 13 de Junho, dia da festa do santo padroeiro Santo António, servindo-se de “estudo de caso” de como se deve preparar as capelas de tabanca a nível de Santiago e Maio, para que estas possam também receber turistas nacionais e internacionais.

Acrescentou, ainda, que com essas reabilitações o governo pretende montar um “outro nível de museus”, ou seja, museus comunitários temáticos sobre a tradição e a cultura enraizados nas comunidades.

Para o ministro, o núcleo museológico de Lém Cabral retratará o ciclo ritual da tabanca dessa comunidade do interior de Santiago e fará parte de um conjunto de pequenos núcleos que, no final, farão parte de uma rede maior.

No projecto de valorização inclui-se o processo de inventário, classificação e financiamento das tabancas e a requalificação dos espaços sagrados associados a esta manifestação cultural que é Património Cultural Imaterial Nacional.

Na ocasião, o governante assegurou que todo o espaço ao redor da capela será requalificado e que serão criadas todas as condições para que as pessoas possam visitar um dos roteiros da tabanca de Santa Catarina.

Opinião