Luxemburgo: Funeral da locutora Marizia Ramos realiza-se sábado em Esch/Lallange

Luxemburgo: Funeral da locutora Marizia Ramos realiza-se sábado em Esch/Lallange

Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook
Share on email
Email

A cerimónia fúnebre da locutora cabo-verdiana Marizia Ramos vai realizar-se no sábado (09 de novembro), às 11:00, no cemitério de Esch/Lallange, Luxemburgo.

A locutora cabo-verdiana da Rádio Dudelange no Luxemburgo foi encontrada morta na passada sexta-feira (01 de novembro), em sua casa, em Esch/Alzette.

Marizia Ramos, natural de Santo Antão, em Cabo Verde, residia em Esch-sur-Alzette, no Luxemburgo, onde deixa dois filhos menores.

A notícia da morte de Marizia apanhou todos “desprevenidos”. A forte comunidade cabo-verdiana está em “choque” e “não compreende” esta partida.

“A Marizia era uma pessoa muito importante para a nossa comunidade. Era uma pessoa muito querida, que amava viver. Dava voz às suas gentes e origens, através da rádio”, disse, Rosi Rodrigues, Presidente da Associação Amizade Cabo-Verdiana no Luxemburgo.

“Toda a comunidade está em estado choque e não compreende o que aconteceu”, rematou a dirigente associativa.

Marizia, como simplesmente era conhecida, foi uma das vozes mais queridas da comunidade cabo-verdiana residente no Luxemburgo. Faleceu na passada sexta-feira (01 de novembro), em sua casa, em Esch/Alzette.

O  Presidente da Rádio Dudelange Vítor Santos, disse em declarações ao LUX 24 que , “não queria acreditar” na “triste notícia” que acabara de receber.

“A Marizia era uma excelente profissional e uma pessoa como há poucas. Estava há quatro anos connosco, na Rádio Dudelange. Espalhava alegria e vontade de viver”, sublinhou, Vítor Santos.

Opinião

Fechar