Governo não vai levantar embargo aos produtos agrícolas de Santo Antão

Governo não vai levantar embargo aos produtos agrícolas de Santo Antão

Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook
Share on email
Email

O Governo afastou a possibilidade de suspender o embargo imposto, há três décadas e meia, aos produtos agrícolas de Santo Antão, por causa da praga dos mil-pés.

O ministro da Agricultura e Ambiente, Gilberto Silva, avançou, esta semana, no Parlamento,  que o embargo vai-se manter uma vez que o Governo não tem “nenhum objectivo de suspender” essa medida.

O Governo vai, sim, prosseguir com as investigações no quadro da cooperação chinesa, além melhorar todo o sistema de controlo para impedir o alastramento da praga no país.

É intenção do Executivo ainda, no quadro do orçamento do Estado para 2020, incentivar os produtores agrícolas a apostarem na transformação dos produtos.

O embargo, segundo os agricultores, levou ao “declínio” da  agricultura em Santo Antão, uma preocupação partilhada pelas câmaras municipais desta ilha, que têm estado a pressionar o Governo no sentido de pôr cobro à essa medida.

Opinião

Fechar