Associação do Cinema e Audiovisual de Cabo Verde arranca em Agosto seu programa de formação

Associação do Cinema e Audiovisual de Cabo Verde arranca em Agosto seu programa de formação

Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook
Share on email
Email

A Associação do Cinema e Audiovisual de Cabo Verde realiza de 16 a 20 de Agosto, curso sobre produção de filmes com telemóvel para maiores de 18 anos, no Porto Novo, em Santo Antão.

A formação sobre a produção audiovisual, com recurso ao aparelho telemóvel, e promoção de mostras itinerantes de filmes, constituem as apostas da Associação do Cinema e Audiovisual de Cabo Verde, coordenada, em Santo Antão, pelo actor e realizador Jorge Martins.

O curso, que se realiza de 16 a 20 de Agosto, no município do Porto Novo, em parceria com a edilidade porto-novense, destina-se a maiores de 18 anos.

Jorge Martins, que é, também, secretário da direcção desta associação, diz que, em relação a Santo Antão, o propósito é formar os jovens com vista à produção de filmes sobre as diversas temáticas, designadamente “as ricas tradições” desta ilha.

É de recordar que o presidente da Associação do Cinema e Audiovisual de Cabo Verde, Júlio Silvão, esteve, em finais de Junho, em Santo Antão, e disse, nessa ocasião, que a instituição que dirige pretende estabelecer uma grande parceria com as câmaras municipais, que permita a realização das formações e mostras de filmes.

Por seu torno o presidente da câmara do Porto Novo, Aníbal Fonseca, já propôs à Associação do Cinema e Audiovisual de Cabo Verde a realização de filmes que abordam as festividades de São João, neste concelho.

“Eu creio que São João dá para fazer muitos filmes de qualidade. Com investigação e com um trabalho científico, aqui temos matérias para produções de nível, que transcendem o contexto regional ou nacional, podendo ser de dimensão internacional”, avançou.

 

Opinião