Arrancaram as obras de construção do aterro controlado intermunicipal de Santo Antão

Arrancaram as obras de construção do aterro controlado intermunicipal de Santo Antão

Share on twitter
Twitter
Share on facebook
Facebook
Share on email
Email

Já arrancaram as obras de construção do aterro controlado de Santo Antão, que substituirá a lixeira intermunicipal, que abarcando uma área de três hectares, onde, ainda este ano, passará a ser depositado o lixo produzido no Paul e Ribeira Grande.

O aterro controlado fica numa cratera, na Ribeira Brava, sensivelmente, a meio percurso da estrada Porto Novo/Janela, abrangendo uma área de três hectares. A obra prevê construção de um acesso com 650 metros de comprimento, de um muro a jusante da cratera, para impedir que o lixo aí aterrado seja arrastado para o mar e uma vedação com 800 metros de comprimento para impedir que animais entrem no espaço.

É de recordar que anualmente são produzidas quatro mil toneladas de lixo, nesta ilha, onde a recolha e tratamento dos resíduos sólidos constitui uma preocupação dos três municípios de Santo Antão.

O aterro melhorado deverá, a médio prazo, evoluir para um aterro sanitário, conforme o plano operacional de gestão dos resíduos para Santo Antão, já aprovado pelos três municípios.

A obra é financiada pelo Governo de Cabo Verde e esta orçada em 12 mil contos, tendo como dono do projecto a A Associação dos Municípios de Santo Antão.

 

 

 

Opinião